In§tante§ ð'um £ouco
.
.
.
.
Insanidade, essência do meu ser
Profundidade tocante
Registo imanente,
Presença distinta
Nascimento de silêncios.

Gritos de demência!

Gentileza cortês de harpas
Harmonia sonante de violinos
Mar, vento, terra, trovão
Cosmos sonante, timbrando.



Sentir outro modo de escutar a vida
No doce chilrear que me encanta...
.
.
.

5 Comments:

Blogger Psicologia Social said...

Maravilhoso!!!!

18/2/10 01:21  
Blogger destino said...

Belas palavras Loucas, sem comentários embora eu já esteja a deixar este. =)
Antes que me esqueça tenho de lhe precaver do fundo de seu blog.
Ele esta a tomar vida sobre sua foto;)
even more...

21/2/10 19:16  
Blogger Luiza M. Nogueira said...

Eita loucura boa! ;)

23/2/10 20:58  
Blogger Madalena said...

porque ainda há tanta gente que se recusa a sentir, a escutar... a viver!*

louco, no sentir!**

25/2/10 20:10  
Blogger destino said...

A foto do post!
;)

26/2/10 05:06  

Enviar um comentário

<< Home

online