In§tante§ ð'um £ouco
Reinos de beatitude
Reinos de luz
Uns nascem para os doces prazeres
Outros nascem para a noite de que nunca vêem o fim.

Tomo a estrada principal para o fim da noite
Parto em viagem para a meia-noite deslumbrante
Fim da noite...

13 Comments:

Blogger Estranha pessoa esta said...

Ás vezes as estradas secundárias são bem mais interessantes.

10/9/08 03:34  
Blogger .*.Magia.*. said...

Gosto desse fogo.

11/9/08 12:56  
Blogger Jo said...

Bela foto.

11/9/08 15:35  
Blogger pin gente said...

gosto de noite calmas e amenas, na rua. frias e chuvosas, à lareira.
aconchegadas, ...

fiquei à espera de outra visita... eu voltei por gosto.

um abraço
luísa

11/9/08 21:56  
Blogger Thiago Forrest Gump said...

Depois da noite vem a madrugada!

12/9/08 03:00  
Blogger MªJosé M. said...

Hummmm....
Boa Noite!!

Beijos

13/9/08 00:56  
Blogger Thiago Forrest Gump said...

Na próxima visita trarei um balde cheio d'água...

13/9/08 02:30  
Blogger .*.Magia.*. said...

Crazy Boy,

Já se "lendiava" outra coisa por aqui!

É tudo uma questão de cabeça.
De tempo.
Dos tempos do verbo

Desortográficamente acordando...

:P

17/9/08 22:30  
Blogger By myself said...

Sempre interessante na forma e no conteúdo.
Pena nem sempre ter tempo para saborear cada palavra.
Bjs

18/9/08 04:12  
Blogger Estranha pessoa esta said...

Este fogo todo faz-me lembrar o Outono.
Já ia era umas castanhas e uma água pézinha.

19/9/08 20:10  
Blogger Teresa Durães said...

nada como a noite!

22/9/08 16:59  
Blogger .*.Magia.*. said...

Crazy Boy,

Quando é que cortas a meta da noite?!


Amanhece opáhhh!!!!

23/9/08 12:14  
Blogger .*.Magia.*. said...

(.!)

23/9/08 12:31  

Enviar um comentário

<< Home

online