In§tante§ ð'um £ouco
Apenas e só teria sido como tu se fosse tu.
Triste a alegre hora que te ouvi a primeira vez!
Depois tudo foi cansaço de querer outras coisas.
É tudo mentira deste mundo pensar outras coisas,
Outras coisas onde tudo são outras coisas que se sentem.

És pássaro jogado ao vento
Que se alinha sem sentido
És mendiga entregue ao destino
Pela indiferença do meu mundo...

10 Comments:

Blogger Cleopatra said...

Tenho lá um desafio se tiveres coragem de o aceitar.

28/7/08 01:28  
Blogger gio said...

"És pássaro jogado ao vento..."
Gostei!

29/7/08 15:37  
Blogger .*.Magia.*. said...

Hummmmm...

Crazy Boy, estás irado!

Vou embora!!!!

30/7/08 18:49  
Blogger Papoila said...

Senhor Louco:
Mendiga entregue ao destino?
Vire o seu mundo de indiferente a diferente... as coisas serão outras...
Beijo

30/7/08 22:09  
Blogger Tainha said...

ninguem consegue ser indiferente, mesmo que aparente...

31/7/08 06:11  
Blogger Moon_T said...

gostei muito mesmo destas tuas palavras... sem comentario digno resta-me dizer somente isso:
gostei


obrigado

31/7/08 20:54  
Blogger ACeMeGe said...

Fomos apanhados numa teia chamada tempo que nas linhas tecidas finas fortaleceram a saudade de nunca nos termos conhecido.

31/7/08 22:44  
Blogger ACeMeGe said...

A cor do tempo não é a cor dos sons.

A do tempo ensina-nos que o beijo ama mas também nos despede.


A da cor do som promete o sabor prolongado do beijo inesquecível logo aos primeiros acordes.

2/8/08 17:20  
Blogger Thiago Forrest Gump said...

Ou seja, paixão!

3/8/08 02:28  
Blogger Nogs said...

Só tu se fosses tu...

Adorei esta frase.

Beijo

3/10/08 22:50  

Enviar um comentário

<< Home

online