In§tante§ ð'um £ouco
Alma insensata
Por vezes presa
Num ténue fio
A interpretar
A luta entre o delírio
De habitar um corpo
Que respira e se inspira
E assim permanece
A recear os escritos

Desafio de coabitar
Com um bicho
Que não retoca
Os segredos
(só sente)

30 Comments:

Blogger .*.Magia.*. said...

Com a loucura?
Com a maturidade?

Indeciso?

...

Chega a nós sem darmos por isso, e ainda bem que assim é...Assim saboreia-se de uma forma mais intensa...quando ainda não temos consciência que é loucura...´
Será esta a verdadeira loucura?
Aquela que se entranha e não se sente nas entranhas senão quando a maturidade dessa mesma loucura chega a nós???

...

-> Loucura com Loucura se paga!
-> Loucos com Loucos se entendem!
-> Loucura por Loucura, que seja ela mesma, a Loucura!
-> Diz qual é a tua Loucura, dir-te-ei quem és!
_> Por detrás de um Louco existe sempre uma grande Loucura!

As coisa que me ocorrem...ehehe

Deve ser efeitos da SATARDAI NAITE FEVER

Kisso-te a loucura com a minha magia

12/3/07 01:28  
Anonymous mj said...

A loucura, esta aqui, felizmente, um desafio a quem passa!
Verdade que com o tempo, a maturidade, pode quase levar a "loucura"...
Por vezes fingimos que não vemos e conseguimos quase ignorar uma série de coisas!
E, digo eu, há instantes de loucura bem saudáveis!
Pronto...
Já estou a dizer loucuras!!!
(Vou, antes que fechem a porta, lá os do vídeo...)
:)

12/3/07 02:02  
Blogger Som do Silêncio said...

Olá Louco (és mesmo?)

Gostei do teu post, mas principalmente da foto. Excelente!

Beijo Silencioso

12/3/07 08:48  
Blogger Conceição Bernardino said...

Avancemos com o amor

avancemos com o amor
porque a partir de hoje
esquecemos tudo o que
nos soa a duvidoso
valor estendemos nas
mãos o tecido das nossas
trocas amor vem comigo
retomar o caminho em
que nos soltámos um dia
em passeios pela
alma

Poema da autora “Marita Ferreira” do livro “Múltiplos de ti”

Vale apena reflectir neste poema está cheio de verdade
Beijinhos
ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

12/3/07 15:58  
Blogger £oµ¢o Ðe £Î§ßoa said...

Conceição... tu não páras!!!!
AVANCEMOS...

Ok, ok, ok, ok, ok, ok, vou refletir, meditar, pensar maduramente e depois digo-te qualquer coisa (penso eu de que...), mas tenho para mim que daqui a uns dias vem aí nova reflexão!

Enfim, AVANCEMOS!!!

12/3/07 16:21  
Blogger Ana said...

Lindo, as usual :-)

12/3/07 17:31  
Blogger Azul said...

Olá Louco!

É melhor deixar-te um beijinho e desejar-te uma óptima semana porque hoje... hoje não digo coisa com coisa...

Azul

12/3/07 17:36  
Blogger João Cordeiro said...

Excelente texto de loucura.

Un abraço sonhador

12/3/07 17:52  
Blogger Tainha said...

Que maravilha!!

12/3/07 19:49  
Blogger Thiago Forrest Gump said...

Louco, vi nos comentários do post anterior que a Magia e a Pessoa estão preocupadas com a Pessoa e a Magia!

Diga lá se tu não és um cara de sorte! Duas ao mesmo tempo!





Não há loucura que resista!

12/3/07 21:52  
Blogger adc said...

Conta-me os teus segredos para ocupares o meu espaço... murmura e respira no meu ouvido.

Bjs

http://poemasdesarrumados.blogspot.com

12/3/07 22:16  
Blogger NARNIA said...

palavras sinuosas.

12/3/07 22:59  
Blogger Estranha pessoa esta said...

LOLOLOL

Tiago,

E nem estranheza que se apague (ou não) eehehhe

Tu também podes falar muito, com aquela dita cuja quente lá no teu estaminé tssssssss
Não há condições nenhumas!

13/3/07 01:53  
Anonymous .*.Magia.*. said...

Estranha...
BAZA daí...
Roubaste-me o comentário 13...

Esse comentário é meu...

Não percebo o que ainda fazes aqui...!
Não ías abanar a anca...?

Vai e não voltes :p

13/3/07 01:55  
Blogger Estranha pessoa esta said...

Maluco da Capital,

E quando não está presa num ténue fio... está agarrada ou desagarrada onde?

E o que não se expira? Permanece?

13/3/07 01:57  
Blogger Estranha pessoa esta said...

Magia,

Agora apeteceu-me dizer uma asneira
Pah vou dize la FDX
Mas, cum raio... vim dali tu estavas ali e agora ja estas aqui.
Tenho para mim que enviaste um virus qq manhoso no meu pc e vês para onde vou ..

13/3/07 01:58  
Anonymous .*.magia.*. said...

Não leste o que disse no teu estaminé?

FUI...para parte incerta

O que é incerto pode ser em todo o lado, ou em lado nenhum...neste momento estou em nenhures...que é como quem diz, estou no estaminé do Louco...

E quando me apetecer saír daqui, estou outra vez em parte incerta...FUI

13/3/07 02:02  
Blogger Estranha pessoa esta said...

Tens noção que te estou a aturar pq simplesmente o resto do mundo está a ver a Bela e o Monstro na TVI logo não tenho mais ninguém para aparvalhar.
Ès mesmo o ultimo recurso eeehe

E agora baza daqui que o Louco não me grama.

13/3/07 02:07  
Anonymous .*.Magia.*. said...

Estranha
...gastaste-me a intelismência...

Ergo a minha Bandeira Branca (
é um lenço de papel novinho em folha!)
hoje não te consigo acompanhar...

GANHASTE...

Leva lá a viagem para longe daqui e deixa-me em Paz...

FUI...

13/3/07 02:13  
Blogger missixty said...

Hum, gorilaz!!!
Pareces-me confuso, muito sensível!Mas estás no caminho certo, é mais importante sentir que saber!
beijos miss

13/3/07 08:31  
Blogger Fofa said...

Segredos sentidos... como eu te entendo!

13/3/07 09:12  
Blogger Manza said...

A alma é insensata ...
O medo racionaliza, calcula, observa, enquanto o tempo passa.
O medo não erra, acerta ao seu modo.
A natureza do medo é a comum, sem espasmos, vulcões, cometas, catástrofes, maremotos, etc.
O problema do racional é o inexorável, e o inevitável, o futuro, somente tangível nos sonhos.
Sonhar é destruir o medo; é ter alma.
A alma é insensata ...

13/3/07 11:46  
Blogger Little Girl said...

Vim te deixar uma "GRANDE" beijoca.....

13/3/07 16:01  
Blogger Jefferson P. said...

Parte da alma de um poeta...

Parabéns!

abrçs sentidos...

13/3/07 19:10  
Blogger Thiago Forrest Gump said...

Pessoa, meu nome é com "h". :(
Agora fiquei dramático!

Louco, desculpe usar isto aqui para puxar a orelha dela, mas achoq ue nem foi distração, foi maldade dessa "pessoa"!

Sim, com "p" minúsculo!

Bah!

13/3/07 19:37  
Anonymous .*.magia.*. said...

Vim sentir os teus segredos...e senti-os...

Não precisas dizer que receias coabitar com meus escritos...os meus escritos não são mais do que a inspiração do bicho, leia-se leoa(sim, sou leoa de signo!) que respira e se inspira na tua loucura...um desafio a retocar segredos, um ténue fio que liga a insensatez da alma com um sentir puro e selvagem...
Não receies pois essa luta entre o delírio da alma e a realidade do corpo...

ehhehe pois é Crazy Boy, as palavrinhas são de quem as faz suas...eu roubei-te estas e senti-as assim em mim...

Uma perguntinha...
Será que num tens frio na cabeça??? Tenho para mim que aquele lindo cabelo que tens na foto de perfil não passa de uma peruca...

tsss tsss tssss

Descobri-te a careca :P

Boa música!!!
Tasse Bem!!!!

Olha me queres fazer um arrendamento vitalicio de uma parte do teu blog?
Proponho o comentário 13 de todos os posts...é que eu agora sou uma blogonauta sem-abrigo...

ehhehehe

E com esta me vou...

FUI...para parte incerta!

13/3/07 21:21  
Anonymous .*.Magia.*. said...

Upssss

Voltei para deixar um kiss...
Preciso tratar-te bem, talvez venhas a ser meu senhorio ;)

Faz o preço...heheheheh

13/3/07 21:24  
Blogger _+*A Elite in Paris*+_ said...

Ha muito tempo que nao vinha aqui por motivos alheios mas esta louco esse clipe acima :)super bom gosto e da vontade de voltar!!! beijos enormes :)

13/3/07 21:47  
Blogger C.A.R.L.O.T.A. said...

Um LOUco com excelnte blog que escreve excelentemente bem!!

14/3/07 15:58  
Anonymous candida said...

tás a dar uma ideia gira: tatuar o poema(esse ou o que mais gostares) assim nas costas.

15/3/07 17:59  

Enviar um comentário

<< Home

online